Ambiente Educação

Projeto Oca Brasil

O projeto Oca Brasil que, entre outros objetivos, apoia grupos étnicos da região, entre eles os Calungas, e criou o programa de integração cultural junto à comunidade indígena Xavantes e Kraô.

Envie para um amigo

 

 

q

No entorno do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, em Goiás, mais precisamente na cidade de Alto Paraíso, fica a Oca Brasil, uma instituição de caráter associativo aberto, sem fins lucrativos, direcionada para a preservação ambiental e a ecologia humana. Ou seja: uma organização não governamental, declarada Utilidade Pública Municipal em 1999, e que vem se especializando na criação, projeto e gerenciamneto de áreas de proteção ambiental (dois exemplos são a Reserva Particular do Patrimônio Natural Cara Preta e a Estação Ecológica São Miguel), além de um belíssimo trabalho junto à comunidade de Alto Paraíso.

O projeto Oca Brasil que, entre outros objetivos, apoia grupos étnicos da região, entre eles os Calungas, e criou o programa de integração cultural junto à comunidade indígena Xavantes e Kraô.

Situada em um terreno de 6 hectares, no centro de Alto Paraíso, a Oca - Oficina de Ciências e Arte, promove eventos culturais que visam a integração e o bem-estar social. Espalhados pelo terreno sombreado por árvores ficam ateliês de cerâmica, marcenaria, artes, oficina de capoeira, o pequeno restaurante de cozinha vegetariana, a horta orgânica e a Oca Lila, onde são comercializados produtos da Oca Brasil, o que ajuda a gerar receita para sustentabilidade do projeto e de seus participantes.

A Oca Brasil está aberta à visitação - tanto suas instalações em Alto Paraíso, quanto suas reservas ecológicas. Mas é preciso agendar com antecedência. Alto Paraíso fica a 200km de Brasília, tem pousadas e passeios.

O Instituto Oca Brasil é uma instituição de caráter associativo aberto, sem fins lucrativos, direcionada à Conservação Ambiental e a Ecologia Humana priorizando ações nas áreas da Saúde, da Educação e do Meio Ambiente. Dentre seus membros, provenientes das mais diversas áreas do conhecimento humano encontram-se pessoas com formação em economia, biologia, direito, antropologia, nutrição, agronomia, arquitetura, ambientalismo, pedagogia, magistério, artesanato, artes plásticas, música.

São hoje mais de 250 pessoas ligadas diretamente à instituição, tanto no município de Alto Paraíso como em outras localidades do Brasil e no exterior. Suas atividades consolidadas como instituição em 1997, são amplamente conhecidas junto à comunidade local sendo que através do projeto Lei nº 594/99, aprovado pela Câmara dos Vereadores e sancionado pelo Prefeito do Município a Oca Brasil foi declarada de Utilidade Pública Municipal. Em abril de 2006 foi qualificada, pelo Ministério da Justiça, como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público – OSCIP. Representa, como membro efetivo do Conselho Nacional do Meio Ambiente – CONAMA, as ONGs ambientalistas da região Centro- Oeste.

Atualmente o Instituto Oca Brasil vem apoiando grupos étnicos da região, entre eles os Kalunga, população afro descendente do Sitio Histórico e Patrimônio Cultural Kalunga  localizado nos municípios goianos de Monte Alegre, Teresina de Goiás e Cavalcante.

Hoje nas dependências do Instituto Oca Brasil estão em pleno andamento obras que propiciam a curto e médio prazo o atendimento em instalações apropriadas de inúmeras atividades atinentes a seus objetivos sociais.

A sede principal do Instituto Oca Brasil em Alto Paraíso está situada na zona urbana da cidade, em terreno de 100.000 m2, onde hoje já estão prontas diversas construções e outras que estão em fase de acabamento. Existe um projeto de agrofloresta em desenvolvimento avançado além de um viveiro de espécies nativas do cerrado.

O Instituto Oca Brasil é referência nacional em Sistemas Agroflorestais. Seus cursos ministrados em parceria com o pesquisador Ernst Göstch recebem anualmente participantes vindos de todo o Brasil.

O Instituto Oca Brasil vem especializando-se na criação e gerenciamento de áreas de proteção ambiental, prova disso é o trabalho realizando na Reserva Particular do Patrimônio Natural – RPPN Cara Preta 930 ha, Reserva Particular do Patrimônio Natural – RPPN Nascentes do Rio Tocantins 270,09 ha e a Reserva Ambiental Rio São Miguel I e Rio São Miguel II, que se encontra em processo de transformação em RPPN, em cujas áreas encontram-se as principais nascentes da Bacia do Alto Tocantins.

Na RPPN Cara Preta, área com 975 ha, encontram-se as águas que formam as mais altas nascentes do Rio Tocantins, ricas em biodiversidades zoobotânica e belezas naturais das mais exóticas do planeta. Essas mesmas águas, são as formadoras do Rio Preto, principal rio a cruzar o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros e que é responsável por vários saltos e cachoeiras, como por exemplo, o Salto do Rio Preto com 120m de altura. Toda essa região é um divisor de águas e o ponto culminante do Planalto Central, com altitude, acima dos 1.600 metros. Por todos estes motivos, o IBAMA - Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, decretou, através da Portaria 9N de 9 de fevereiro de 1999 essas terras como sendo Reserva Particular do Patrimônio Natural - RPPN. Essa propriedade, sob o gerenciamento do Instituto Oca Brasil já teve seu plano de manejo executado e aprovado, com recursos provenientes do convênio com o Fundo Nacional do Meio Ambiente – FNMA.

A RPPN Nascentes do Rio Tocantins com 270,09 ha, tem relevante importância como área de produção de água da calha principal do Rio Tocantins. Na localidade conhecida como São Miguel, localizada no Distrito de São Jorge, a 40 km de Alto Paraíso. O Instituto Oca Brasil gerencia uma área de 130 ha, as margens do Rio São Miguel, a qual esta totalmente preservada.

Com a institucionalização do Instituto Oca Brasil, aliada a intensa atividade exercida por ela em entidades socioambientais, busca-se agora, após um período de implantação e consolidação de mais de onze anos, o apoio de pessoas e instituições do Brasil e do Exterior, para a formação  de parcerias visando a ampliação e o crescimento de suas atividades.

 

Fontes: Oca Brasil: Tel: (61) 646 1166 São Paulo (11) 5642 2255 E-mail: oca@ocabrasil.org.br www.ocabrasil.org



Publicidade
Confira as principais Tags do ambiente Educação 60's 70's 80's 90's Acre Agenda 21 Agricultura Agronomia Água Alagoas Alimento Amapá Amazonas Ambientais Ambiental Ambiente Anos Aproveitamento de água Aquicultura Área de Preservação Arqueologia Arqueólogo Arquiteto Arquitetura Artigo Árvore Educacional Bahia Bibliografia Bibliotecas Biodiversidade Biologo Bioprocessos Biotecnologia Cadeia alimentar Calendário Capacitação Profissional Cartilha Cartografia Caule Ceará Ciências Ciências do mar Combate a pragas Comemorativas Consciência Consciência Ecológica Conservação Conservação Ambiental Consumidores Consumo Sustentável Cultura Data Datas Dengue Desenvolvimento Sustentável Desordenada Dinheiro Distrito Federal Diversidade Biológica Doenças Dúvidas Eclipse Ecologia Economia Ecosistema Educação Educação Ambiental Engenharia Escola Espírito Santo Estações do Ano Estado Fauna Feriado Festa Junina Financiamento Flor Florestal Florestas Foco do mosquito Fogos Fogueiras Folha Fotografia Frutas Nativas Fruto Geofísica Geografia Geologia Gerenciamento Ambiental Gestão ambiental Glossário Goiás História Impactos Ambientais Incorporação do EA Industrial Inserção de critérios ambientais e sociais Inserção Profissional Instituições Interespecíficos Internacional Intra-específicos Legislação Lei Ambiental Leitura Links Livros Madeira Madeireira Manacial Mato Grosso Meio Ambiente Meio-Ambiente Minas Gerais Núcleos O que é Oceanografia Pantanal Pará Paraíba Paraná Patrimônio Percepção Perguntas Pernambuco Pesca Piauí Políticas Ambientais Praia Prêmio Prêmio Ambiental Preservação Ambiental Preservação do Meio Ambiente Prevenção Profissionais Programa identificado como A3P Projetos Projetos ambientais Proteção Proteção ao meio-ambiente Qualidade Ambiental Qualidade da água Quimica Racismo Raíz Real Reciclagem Recursos Hídricos Recursos Naturais Responsabilidade Ambiental Rio de Janeiro Rio Grande do Norte Rio Grande do Sul Riscos Ambientais Rondônia Roraima Rural Sanitária Santa Catarina São Paulo Satisfação Selos Sementes Sensibilização Sergipe Socio-ambiental Sustentabilidade Tecnologia Tecnólogo Textos Educativos Tocantins Tráfico de animais Tratamento de Efluentes Urbanização Uso Sustentável de Recursos Naturais Zona Costeira

Resolução míninina de 1024 x 768 © Copyright 2000-2017 Todos os direitos reservados. O conteudo deste Site é de propriedade do Ambiente Brasil S/S Ltda. Nenhuma parte poderá ser reproduzida sem permissão por escrito do Portal.