Ambiente Mudanças Climáticas

Mudanças Climáticas

O grande ponto no debate acerca das mudanças climáticas é o fato de que o acelerado processo de em que nos encontramos aliados a uma forma administrativa até certo ponto falha veio a criar um certo desequilíbrio.

Envie para um amigo

 

Possivelmente um dos assuntos mais polêmicos do momento, a excessiva falta de compreensão do assunto faz com que temores acabem sendo alarmantes e ações acabem sendo pouco efetivas. As mudanças climáticas sofridas pelo planeta não são, sob qualquer circunstância uma novidade e nem fruto do nosso super desenvolvido modelo industrial e sim de uma determinada reação em relação aos gases presentes em nossa atmosfera. O efeito estufa, ou seja, a concentração de diversos gases tais como o vapor de água e carbono, por exemplo, é o responsável para que a temperatura média de nosso planeta seja de aproximadamente 15°C, o que se não existisse seria de mais ou menos 17°C negativos e muitas das formas de vida não existiriam sequer.

Como bem se sabe, também a vida é algo frágil, e a prova disso é que de todo o universo conhecido não se sabe de nenhum outro lugar no universo que tenha vida além do nosso planeta e ainda assim há lugares mesmo em nosso planeta em que a as condições para a manutenção da vida são de fato bem precárias.

O grande ponto no debate acerca das mudanças climáticas é o fato de que o acelerado processo de em que nos encontramos aliados a uma forma administrativa até certo ponto falha veio a criar um certo desequilíbrio, o que como dissemos anteriormente não é em absoluto uma novidade para o nosso planeta mas que pode ter consequências gravíssimas para nós (seres humanos) e todos os outros seres vivos.

Para ilustrar o que queremos dizer de forma bastante simples, nos últimos cem anos a temperatura do planeta subiu cerca de 0,7°C e isso já é o suficiente para que grandes mudanças aconteçam e toda a estrutura em que nossa vida está baseada historicamente (ficar perto de rios e mares para ter acesso a comida e um vasto uso de aqueodutos entre outros fatores) seja colocada em xeque e ainda, conforme demonstram estudos bastaria o aumento de 3°C aproximadamente para que a vida nesse planeta deixasse de existir como a conhecemos.

De qualquer maneira, outras mudanças assim já aconteceram no desenvolvimento do planeta Terra, como todos sabemos, a milhões de anos os dinossauros deixaram de existir por um processo similar quando a estrutura atmosférica se tornou em absoluto diferente ao que se acostuma e tais mudanças vieram a mudar milhões de anos a rotina do planeta chegando mesmo a era glacial, ou seja, como foi dito anteriormente, as mudanças climáticas são comuns e apenas a nossa vida é que existe sob uma frágil condição.

 

Por Marcelo Hammoud



Publicidade

Resolução míninina de 1024 x 768 © Copyright 2000-2017 Todos os direitos reservados. O conteudo deste Site é de propriedade do Ambiente Brasil S/S Ltda. Nenhuma parte poderá ser reproduzida sem permissão por escrito do Portal.