Extensão Rural

 

 

É o processo de estender, ao povo rural, conhecimentos e habilidades, sobre práticas agropecuárias, florestais e domésticas, reconhecidas como importantes e necessárias à melhoria de sua qualidade de vida.

A própria justificativa para a existência de um serviço de extensão é o de estimular a população rural para que se processem mudanças em sua maneira de cultivar a terra, de criar o seu gado, de administrar o seu negócio, de dirigir o seu lar, de defender a saúde da família, de educar os seus filhos e, por fim, de trabalhar em favor da própria comunidade.

O papel da extensão pode ser revelado através do desdobramento de suas diferentes finalidades. Entre estas finalidades, estão as seguintes:

  • Melhorar as condições econômicas e sociais da população rural.
  • Aplicar os conhecimentos da ciência e a pesquisa aos problemas do agricultor e sua família.
  • Estender ao povo rural conhecimentos e habilidades, para a melhoria do seu nível de vida.
  • Estimular os processos de mudanças da população rural, nos campos técnico, econômico e social.
  • Preparar um dispositivo de disparo, que coloque em ação as aspirações e as capacidades das pessoas para o progresso.
  • Criar uma reação em cadeia que resulte em melhores condições de vida e de trabalho para a população rural.
  • Incorporar as massas rurais, através da educação, aos programas de desenvolvimento de um país.
  • Acelerar o desenvolvimento econômico e social das áreas rurais.
  • Aumentar a renda do agricultor.
  • Servir de ponte entre a pesquisa agropecuária e o produtor rural. 

 

Redação Ambiente Brasil