Ambiente Fauna

Quero-quero (Vanellus chilensis)

O nome popular quero-quero é de origem onomatopéica, pois é repetido várias vezes durante o dia ou à noite, principalmente para a defesa do território.

Envie para um amigo

Classe: Aves

Ordem: Charadriiformes

Família: Charadriidae

Nome científico: Vanelus chilensis

Nome vulgar: Quero-quero

Categoria: Indeterminado


O nome popular quero-quero é de origem onomatopéica, pois é repetido várias vezes durante o dia ou à noite, principalmente para a defesa do território. Esta espécie possui, em cada asa, um esporão vermelho, recoberto pela plumagem; quando em atitude de defesa ou ataque os esporões tornam-se bem evidentes.

Alimentação: insetos e outros artrópodes capturados no solo.

Nidificação: folhas secas, geralmente de gramíneas, são depositadas numa rasa depressão no solo e em local seco. Os 2 a 4 ovos, pardo-amarelados e verdes com desenhos pretos, camuflam-se com o substrato. Os ovos medem 45 x 33 mm e são incubados principalmente pela fêmea. Quando nascem os filhotes, nidífugos, a fêmea alimenta-os durante alguns dias e o macho ocasionalmente o faz. Durante a incubação e cuidado com os filhotes o macho torna-se agressivo, executando vôos rasantes sobre o intruso que se aproxima. Nesta espécie pode ocorrer poligamia, quando um macho reúne 2 fêmeas que põem seus ovos num mesmo ninho.

Hábitat: campos, banhados e capinzais.

Tamanho: 33,0 cm

Fonte: USP



Publicidade

Resolução míninina de 1024 x 768 © Copyright 2000-2017 Todos os direitos reservados. O conteudo deste Site é de propriedade do Ambiente Brasil S/S Ltda. Nenhuma parte poderá ser reproduzida sem permissão por escrito do Portal.