Ambiente Fauna

Formigueiro-de-cabeça-negra (Formicivora erythronotos)

Pela cauda comprida e a vocalização imediatamente reconhecível como uma Fornicívora.

Envie para um amigo

 

Classe: Aves

Ordem: Passeriformes

Família: Formicariidae

Nome científico: Formicivora erythronotos

Nome vulgar: Formigueiro-de-cabeça-negra

Categoria: Ameaçada/ Vulnerável

Características: Pela cauda comprida e a vocalização imediatamente reconhecível como uma Fornicívora. Espécie vistosa pelas costas castanhas, cabeça e peito negros, na fêmea marrom-olivácea; flancos brancos. Voz: apelo forte "kiák, kiák; canto "tjük, tjük..." A espécie foi descrita em 1851 por Hartlaub corretamente como uma Formicívora (tipo existente em Hanburgo), procedente "do Brasil"; citado por Burmeister (1856) como ocorrendo perto de Nova Friburgo, Rio de Janeiro. Sclater (1858) transferiu o pássaro para o gênero Myrmotherula.

Comprimento: 10,5 cm.

Ocorrência Geográfica: RJ, na Floresta Atlântica.

Categoria/Critério: Ameaçado - vulnerável. Tamanho populacional reduzido ou em declínio com probabilidade de extinção na natureza em pelo menos 50 por cento em 10 anos ou 3 gerações - Destruição do Hábitat;

Cientista que descreveu: Hartlaub, 1852.

Observações adicionais: Existem poucos exemplares em museus, todos coletados no século passado, não tendo sido mais encontrado desde então. Foi então uma grande surpresa quando o casal de observadores de aves, Fernando e Cacilda Carvalho, observaram a espécie em setembro de 1987 perto de Angra dos Reis, RJ, ao nível do mar, redescoberta divulgada po J. F. Pacheco (1988).

Fonte: MMA/SINIMA



Publicidade

Resolução míninina de 1024 x 768 © Copyright 2000-2017 Todos os direitos reservados. O conteudo deste Site é de propriedade do Ambiente Brasil S/S Ltda. Nenhuma parte poderá ser reproduzida sem permissão por escrito do Portal.