Ambiente Fauna

Lobo-guará

O Lobo-guará (Crysocyon brachyurus) é uma das espécies de carnívoros mais típicas do cerrado brasileiro.

Envie para um amigo

 

O Lobo-guará (Crysocyon brachyurus) é uma das espécies de carnívoros mais típicas do cerrado brasileiro. Habita toda a região compreendida pelo Planalto Central (Cerrado dos estados de Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul), Pantanal Matogrossense, extremo sul da bacia Amazônica (campos cerrados do estado de Rondônia), área que se estende para o leste até o limite com as áreas de Floresta Atlântica dos estados da Bahia, Minas Gerais, São Paulo, e parte semi-árida da região nordeste, até o extremo sul do país (Paraná).

q

A espécie é carnívora, mas pode ser considerada onívora (ele come de tudo um pouco), pois possui uma dieta ampla e variada, alimentando-se com muitos frutos (fruta-do-lobo é um dos itens mais importantes na dieta) pequenos mamíferos, aves, insetos, répteis, tatus, entre outros. Em várias localidades do Brasil são registrados ataques a criações de galinhas e outros animais domésticos, especialmente durante a estação reprodutiva.

O lobo-guará apresenta hábitos solitários e noturno-crepusculares. Um adulto pesa cerca de 20-30 kg, mede de 145 a190 cm de comprimento e 80 cm de altura. Os longos membros e a pelagem vermelho-dourada associada a uma crina negra que se estende do alto do crânio até as primeiras vértebras lombares são características distintas da espécie.

Esta espécie encontra-se ameaçada de extinção devido a grande devastação e degradação do seu hábitat para formação de pastagens e áreas de agricultura, além da caça predatória que tem exterminado muitos exemplares da espécie.

O cerrado, seu hábitat, apresenta várias tipologias, desde o campo aberto, o campo limpo, o campo sujo, campo cerrado com formações arbóreas, o cerradão, o campo úmido, a vereda e a mata ciliar. Toda esta riqueza de ambientes, com vários recursos ecológicos, abriga muitas comunidades de animais e todo este conjunto interage de uma forma equilibrada.

Assim como o lobo-guará, outros bichos e plantas também podem estar ameaçados e alguns já extintos. Todo ecossisstema funciona de uma forma integrada, portanto, qualquer desequilíbrio pode prejudicar o ciclo de vida de animais e plantas. Uma amostra disto é o que acontecendo com o lobo-guará, que apesar de ser um lobo é dócil.

 

Redação Ambientebrasil



Publicidade

Resolução míninina de 1024 x 768 © Copyright 2000-2017 Todos os direitos reservados. O conteudo deste Site é de propriedade do Ambiente Brasil S/S Ltda. Nenhuma parte poderá ser reproduzida sem permissão por escrito do Portal.