Ambiente Ecoturismo

Florianópolis - SC

A capital do estado de Santa Catarina é sem dúvida um lugar fascinante. Possui a infra-estrutura de uma cidade grande, com hotéis, restaurantes, universidades; e ao mesmo tempo possui praias paradisíacas, trilhas em meio à Mata Atlântica e ótimos locais para a prática do mergulho.

Envie para um amigo

História e Cultura

Os primeiros habitantes da Ilha de Santa Catarina foram os índios tupis-guaranis, provavelmente vindos do Paraguai. A grande maioria deles foi escravizada pelos portugueses. Durante mais de um século a região serviu de posto de abastecimento de água e alimento para navios que ali passavam. No início o nome da cidade de Florianópolis foi Desterro, por ser habitada por desterrados de expedições marítimas. Em 1675, com a chegada de alguns jesuítas, foi construída uma pequena igreja e ao redor dela surgiram diversas casas. Assim foi crescendo a cidade. Em 1714 o povoado foi elevado à freguesia e em 1726 à categoria de vila. Durante a Revolução Federalista vários movimentos rebeldes ocorreram em Desterro. A autoridade do governo, na época de Floriano Peixoto, sufocaram tais rebeliões. Foi então que a cidade foi rebatizada Florianópolis. Em 1960 , com a abertura da BR-101, a cidade começou a crescer cada vez mais.

 

Clima

O clima é subtropical com verão bastante quente e inverno em torno dos 15ºC. As chuvas são muito freqüentes na região. A melhor época para as caminhadas é entre abril e maio, quando as chuvas cessam um pouco.

 

Vegetação e relevo

A Mata Atlântica predomina em Florianópolis. É possível também encontrar mangues , lagoas, dunas, morros e pequenas ilhas. Na Costa da Lagoa pode-se observar palmiteiros e fruteiras que escondem macacos e gambás.

Na Ilha de Santa Catarina, onde localiza-se Florianópolis, destacam-se diversos aspectos fisionômicos. Na região centro/sul da Ilha encontram-se algumas montanhas, sendo a maior dela o Morro do Ribeirão com 540 m. As planícies quaternárias e o oceano completam a paisagem da região.

 

Alimentação

Há diversos restaurantes e lanchonetes espalhados pela cidade. Opções são o que não faltam. Não deixe de experimentar os frutos do mar, prato típico local.

 

Hospedagem

Existem hotéis e pousadas das mais diversas categorias. A infra-estrutura é ótima. Para os mais aventureiros e econômicos há também opções de campings.

 

Dicas gerais

Nos feriados prolongados e férias a cidade costuma lotar. Faça reserva com antecedência.

 

Atrações

Atividade noturna: Existem diversas opções de atividades noturnas em Florianópolis. Há desde danceterias agitadíssimas até bares mais tranqüilos. O agito se concentra na Lagoa da Conceição.

Ilha do Campeche: Esta ilha é um prato cheio para quem gosta de história. São mais de cem inscrições rupestres, presentes em dez sítios arqueológicos, acessíveis por trilhas. Para chegar à Ilha a melhor maneira é por barcos de pescadores.

Lagoinha do Leste: Caminhada de 8 quilômetros, que sai do Parque Municipal de Lagoinha do Leste e termina na Praia da Armação. A trilha passa por um mirante, duas cachoeiras e circunda o Morro Pão de Açúcar até a Praia do Matadeiro. São, aproximadamente, quatro horas de caminhada.

Morro da Cruz: Localizado na região central de Florianópolis, no alto do morro pode-se ter uma vista panorâmica da Baía Norte e do continente. Ótimo lugar para se ver o pôr-do-sol.

Praia da Joaquina: A 17 quilômetros do Centro, é o maior conjunto de dunas da Ilha de Santa Catarina. São comuns os campeonatos de sandboard e surfe.

Trilha da Gurita: Construída por escravos no século XIX essa trilha sai do Parque da Lagoa do Peri e termina em Ribeirão da Ilha. São 8 quilômetros passando por ruínas de engenhos e pela cachoeira do Peri.

 

http://webventure.estadao.com.br



Publicidade

Resolução míninina de 1024 x 768 © Copyright 2000-2017 Todos os direitos reservados. O conteudo deste Site é de propriedade do Ambiente Brasil S/S Ltda. Nenhuma parte poderá ser reproduzida sem permissão por escrito do Portal.